Make your own free website on Tripod.com

Alimentação

A primeira dúvida é quanta comida oferecer, e a forma de calcular isso é muito simples, cada refeição deve terminar em 3 a 5 minutos e serem oferecidas 2 ou 3 vezes ao dia; de acordo com a temperatura os peixes a 15º C comem pouco, a 19º C tem apetite regular, a 25º C comem o normal, a 28º C são vorazes.

A melhor  e mais prática forma de alimentar nossos peixes é utilizando os alimentos comerciais por contarem com uma formulação equilibrada e com a quantidade recomendada de vitaminas e oligoelementos, de fabricantes idôneos e conceituados, eu, pessoalmente, gosto da linha de produtos da Wardley (americana)

Devemos também oferecer alimentos naturais como tubifex ou artêmia, pelo menos 1 vez por semana

Veja aqui um criador de Artêmias: crie suas próprias Artêmias Salinas.  

Artêmia salina é um dos melhores alimentos vivos que podemos oferecer, é um pequeno camarão de água salgada, que pode ser mantido e criado em aquários onde haja grande proliferação de algas, lembre-se de usar uma rede fina para pegá-las e evitar de colocar água salgada no aquário, podem ser oferecidas 2 vezes por semana.

Tubifex é um verme fino, vermelho, parecido com uma minhoca e deve ser lavado muito bem antes de ser dado aos peixes, utilize um comedor flutuante adequado e ofereça no máximo 1 vez por semana, por serem muito gordurosos

Não se esqueça de oferecer verduras, como alface, agrião, espinafre

Minhocas podem ser oferecidas em pedaços pequenos, e é muito fácil criá-las em uma caixa de madeira com 2 X 0,5 X 0,5 metros mantida na sombra, é só coletar algumas e colocá-las na caixa com terra, alimentando-as com restos vegetais (não coloque sobras de comida que contenham gordura).

Larvas de pernilongo são fáceis de obter, deixando recipientes com água limpa ao relento, onde são postos os ovos que eclodem em 8 a 10 dias, porém devido ao perigo do Dengue eu desaconselho esta opção.

Drosófilas ou Mosca da banana são ótimos alimentos para os peixes, deixando-se um vidro de boca larga com uma pasta de banana com aveia ao ar livre logo surgirão as moscas e suas larvas, que devem ser oferecidas aos peixes. Veja aqui como criá-las.

[Imagen ampliada de una mosca]

Aqui está a forma de criar Vermes do Vinagre

Pode-se encontrar também camarão seco, Krill, artêmia congelada ou desidratada no comércio.

Alimentos industrializados normalmente são oferecidos como flocos, pó ou pequenos peletes, existe também uma solução líquida de plancto que serve para criar artêmias

Pupas de formiga também são um ótimo alimento e podem ser oferecidos sem problemas.

Outros alimentos: camarão cozido e descascado (suspender 1 por uma linha dentro do aquário); carne raspada bem fino, coração de boi, carne de frango cozida

Crie Paramécios para alimentar alevinos e pequenos peixes

[Paramecium sp.]

 Também podemos preparar patês e oferecê-los  para os peixes:

 Patê caseiro para Lebistes, Molinésias e Espadas

 Patê caseiro para Peixes Tropicais

 Patê caseiro para Discos

 

Mapa Completo do Site

 

1